Vinheta

Entenda como está estrutura de vacinação contra Covid-19 na PB

O Ministério da Saúde prevê come√ßar a vacina√ß√£o contra o coronavírus em cidades brasileiras no próximo dia 20 de janeiro, às 10h. A [...]

Por Luiz Pereira em 15/01/2021 às 00:03:36

O Ministério da Sa√ļde prev√™ come√ßar a vacina√ß√£o contra o coronav√≠rus em cidades brasileiras no próximo dia 20 de janeiro, às 10h. A informa√ß√£o foi confirmada nesta quinta (14) pelo ministro da Sa√ļde, Eduardo Pazuello, em reuni√£o por videoconfer√™ncia com prefeitos de todas as capitais e principais cidades-polo do Brasil.

No encontro, definiu-se que ficará a cargo dos Municípios a logística de armazenamento e aplicação das doses. Governo da Paraíba e as prefeituras de João Pessoa e Campina Grande já divulgaram parte do esquema de vacinação, estrutura e logística planejado para distribuição das doses.

Governo da Paraíba Рpara todas as 223 cidades

A Para√≠ba tem 1 mil salas de vacina√ß√£o prontas para dar in√≠cio ao Plano de Imuniza√ß√£o contra a Covid–19, 12 centrais regionais de rede de frio e 11 ve√≠culos refrigerados para a distribui√ß√£o nas 12 Ger√™ncias Regionais de Sa√ļde. O Estado disse que est√° pronto para iniciar a distribui√ß√£o da vacina no prazo de até 24 horas depois do recebimento da carga.

Segundo o governo, a Para√≠ba disp√Ķe da capacidade armazenar de uma √ļnica vez 330 mil ampolas de vacina. O Estado disse que possui cerca de 550 mil seringas, sendo 250 mil reservadas para imuniza√ß√£o contra a Covid-19.

Leia também:

  • PB desmente ministério e garante seringas para vacina√ß√£o contra Covid

Os Munic√≠pios da Para√≠ba também possuem estoques dos materiais e o Ministério da Sa√ļde se comprometeu a enviar 400 mil seringas e agulhas até o in√≠cio de fevereiro. Além disso, um novo preg√£o j√° acertou a aquisi√ß√£o de mais 1,8 milh√£o de seringas e agulhas para o Estado.

Sobre o cronograma de vacina√ß√£o, o plano est√° dividido em quatro fases. A primeira possui dois grupos e contempla a seguinte popula√ß√£o: Grupo 1 – Trabalhadores de Sa√ļde; povos de comunidades tradicionais quilombola; popula√ß√£o ind√≠gena vivendo em terras demarcadas; e Grupo 2 – pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas; pessoas de 80 anos ou mais; pessoas de 75 a 79 anos.

O registro das doses aplicadas ser√° nominal e individualizado, por meio do n√ļmero do Cart√£o Nacional de Sa√ļde ou n√ļmero do CPF do usu√°rio. A SES est√° estimulando a popula√ß√£o a baixar e usar o aplicativo de celular do Ministério da Sa√ļde, o Conect SUS, para agilizar no processo de vacina√ß√£o. O Estado observa que a n√£o apresenta√ß√£o do cadastro prévio e do aplicativo n√£o ser√° impeditivo ao ato de ser vacinado nas unidades de sa√ļde.

O Plano Estadual de Vacina√ß√£o contra a Covid-19 foi elaborado pela Secretaria de Estado da Sa√ļde (SES) em conjunto com a Sociedade Brasileira de Imuniza√ß√£o na Para√≠ba e Conselho Estadual de Secret√°rios Municipais de Sa√ļde. Veja aqui.

Jo√£o Pessoa

O prefeito de Jo√£o Pessoa C√≠cero Lucena (Progressistas) participou da reuni√£o com o ministro da Sa√ļde e garantiu que a cidade vai estar preparada para o in√≠cio imediato da imuniza√ß√£o.

"J√° tra√ßamos todas as estratégias necess√°rias para que possamos fazer a nossa parte, que é armazenar em nossa rede fria, bem como a aplica√ß√£o em postos que ser√£o devidamente informados à popula√ß√£o para que possamos de forma r√°pida atender os grupos priorit√°rio, no qual incluiremos profissionais da educa√ß√£o", informou.

De acordo com o secret√°rio municipal da Sa√ļde, F√°bio Rocha, 22 gin√°sios esportivos j√° foram contatados para servirem de espa√ßo de vacina√ß√£o. "A aplica√ß√£o também ser√° feita nos hospitais e à domic√≠lio nos casos em que isso for necess√°rio", afirmou.

Campina Grande

Campina Grande foi inclu√≠da na programa√ß√£o do Ministério para come√ßar a vacina√ß√£o em massa contra a Covid-19, j√° a partir de quarta-feira (20). A cidade foi a primeira no pa√≠s a apresentar um Plano Municipal de Operacionaliza√ß√£o da Vacina√ß√£o Contra a Covid-19, em dezembro do ano passado. O documento foi entregue pelo prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) e pelo secret√°rio municipal de Sa√ļde Filipe Reul ao ministério.

A Secretaria de Sa√ļde de Campina Grande recebeu na tarde desta quinta-feira (14) a entrega de 120 mil seringas, que foram adquiridas para a campanha de vacina√ß√£o da Covid-19. J√° est√£o prontas também 57 salas de vacina√ß√£o em todas as regi√Ķes da cidade. Ele pediu, na reuni√£o, a inclus√£o dos trabalhadores da educa√ß√£o entre os grupos priorit√°rios.

Bruno Cunha Lima adiantou que Campina Grande respeitar√° os critérios estabelecidos pelo Ministério da Sa√ļde em rela√ß√£o ao p√ļblico-alvo nesta primeira etapa de imuniza√ß√£o. Segundo o prefeito, as doses disponibilizadas a partir da próxima quarta (20) ser√£o exclusivamente para idosos acima de 75 anos; idosos em casas de perman√™ncia (como é o caso dos asilos) e para os profissionais de sa√ļde.

"O prefeito, contudo, pediu à popula√ß√£o serenidade neste momento, porque certamente Campina Grande assegurar√°, em sua parceria com o Ministério da Sa√ļde, vacina√ß√£o para todas as pessoas, sem atropelos e seguindo criteriosamente os protocolos estabelecido", disse a Comunica√ß√£o de Campina Grande.

Fonte: Portal Correio

Comunicar erro
Teste 2
Teste 4